The King of Fighters XV – [Análise do Arena]

The King of Fighters XV marca o retorno da franquia ao Xbox

Após um hiato do último game ao Xbox, The King of Fighters XV retorna para o “lado verde”, mas apenas para Xbox Series S|X, ficando ausente da geração passada/atual. A publisher SNK não explicou o motivo.

The King of Fighters XIV foi inesperadamente anunciado pela publisher e fez bastante sucesso, especialmente com os novatos da série, principalmente por “facilitar” o encaixe de combos e especiais, feitos com apenas um botão. Falando como um jogador que acompanha a franquia desde 97′, não gostei desse modo (mas não posso deixar a acessibilidade de lado), mas o fato é que até mesmo os veteranos aceitaram as novas mecânicas. Além disso, os gráficos deixaram de ser apenas 2D, dando lugar aos gráficos tridimensionais. De uma forma mais inesperada ainda, KOF XV foi anunciado, sofreu alguns atrasos, mas está entre nós. Vamos para a análise.

  • História

Por mais que o “quente” de jogos de luta seja a pancadaria sem perder a amizade, KOF possui uma lore muito interessante, especialmente envolvendo os personagens Kyo Kusanagi, Iori Iagami, Leona Heidern, entre outros. Mas aqui, o centro das atenções fica para o jovem Shun’ei (assim como foi em KOF XIV), e a novata Isla, rival do lutador, que promete amassá-lo no Torneio. Aqui, vale ressaltar que a milionária e ainda misteriosa, Anastasia comprou os direitos de transmissão do torneio, convocando os times antigos e outros reformulados.

nenhuma legenda disponível

Sem muita enrolação, seu trio vai encarar 3 equipes durante as eliminatórias, chegando até as quartas de final, semi e finalíssima. Aqui, você já imagina o que vai acontecer, certo? E é nesse ponto que Shun’ei, Isla e a deusa novata do jogo, Dolores entram em ação. Mas vamos evitar maiores revelações. Apenas que o modo pode ser terminado em cerca de 2 horas, contando com poucas cutscenes.

  • Lutadores

Contando com um elenco mais enxuto em relação ao game anterior, The King of FIghters XV conta com 39 personagens (além de mais alguns que chegarão via DLC), totalizando 13 times:

  • Team Hero: Shun’Ei, Meitenkun e Benimaru
  • Team Rival: Isla, Dolores e Heidern
  • Team Sacred Treasures: Kyo, Iori e Chizuru
  • Team Fatal Fury: Terry, Andy e Joe Higashi;
  • Team Art of Fighting: Ryo, Robert e King
  • Team Orochi: Yashiro, Shermie e Chris
  • Team Super Heroine: Athena, Mai Shiranui e Yuri
  • Team Ikari: Leona, Ralf e Clark
  • Team G.A.W.: Antonov, Ramon e King of Dinosaurs
  • Team Secret Agent: Blue Mary, Vanessa e Luong
  • Team K’: K’, Maxima e Whip
  • Team Ash: Ash Crimson, Elizabeth e Kukri
  • Team Krohnen: Krohnen, Kula Diamond e Angél
All the Fighters in The King of Fighters XV | Character Select - YouTube
  • Jogabilidade e muitos combos

Assim como foi prometido, realmente a jogabilidade melhorou bastante, especialmente contando com o retorno do modo MAX, que consiste em aumentar a potência dos golpes padrões, além da quebra de guarda. Não só isso, mas a grande novidade ficou por conta do modo MAX rápido, possibilitando fazer combos seguidos, sem a possibilidade do outro lutador poder defender. Apesar dessa vantagem, os golpes não aumentam sua potência ou permitem a quebra de guarda. O modo RUSH permanece no game, o que facilita bastante a “montagem” de combos, bastando apertar o botão soco fraco repetidas vezes.

nenhuma legenda disponível
  • Trilha sonora

Contando com ótimas músicas e algumas novas dublagens, a trilha sonora é impecável, como de costume, e aqui, vale ressaltar que há um modo no qual é possível escolher mais de 300 músicas clássicas da franquia e personalizar quais você que ouvir no hub do game ou em outros cenários, por exemplo.

  • Veredito

O game é um retorno para o lado verde da força e volta com maestria, com muitos personagens clássicos, além de outros muito bem vindos. A jogabilidade está maravilhosa e inclusiva, que facilita para a chegada de novatos para a série. Com relação ao modo história, não tenho do que reclamar, pois em um jogo de luta, o que é oferecido é mais do que o suficiente. O ponto negativo é não ter chegado ao Xbox One.

Adquira The King of Fighters XV através da Microsoft Store.

O game foi gentilmente cedido pela Koch Media para essa análise.

Análise do Arena

Se você gosta de jogos de luta, KOF XV é uma ótima pedida para ficar em seu radar. Enfrentar amigos está mais fácil (sem lags no online), e inclusivo. Com personagens clássicos e novatos, a SNK mostra toda sua força.

8.7
Recomendado
  • História 8
  • Jogabilidade 9
  • Gráficos e Trilha Sonora 9

Receba notificações de todas novidades sobre Xbox.

Se Inscrever
Notifique me
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitarLer Mais

0
Amamos sua participação, por favor comente!!!x
()
x