Super Volley Blast – [Análise do Arena]

Um jogo de vôlei com gosto de quero mais?

Quando tomei conhecimento de Super Volley Blast, fiquei bastante empolgado com o trailer. A proposta do game parecia simples e com conceitos divertidos. Um bom e velho jogo de vôlei de praia, ao melhor estilo arcade. Aqui, você fica sabendo se o game da Unfinished Pixel atendeu minhas expectativas, se foram superadas ou enganadas.

  • Modos de Jogo

O modo História é bem simples, onde o objetivo é ser a melhor dupla de vôlei do mundo, enfrentando duplas digamos assim…conhecidas no mundo pop, mas com outros nomes.

Cabe o destaque para o modo Criação de Avatar, com muitas variações e combinações para serem criadas.

As partidas em geral são curtas, e a cada jogo vencido, o próximo tem uma duração maior de pontos para alcançar ou mais sets para serem finalizados.

No total, são 7 fases, que passam por 7 cenários: Barcelona, Cairo, Tóquio, Nova Iorque, Sidney, Rio de Janeiro e Taipei, sempre destacando alguns pontos turísticos das cidades.

Super Volley Blast oferece um modo bem bacana, chamado de Super Blast. Nesse modo, é possível personalizar regras especiais, como por exemplo: a bola galinha, que muda a trajetória aleatoriamente, o chão de gelo, que fica escorregadio, a bola bomba, que pode explodir a qualquer momento, entre outras. O game ainda oferece um modo torneio, para até 4 jogadores simultâneos, com 16 equipes. Além de partidas casuais, ideal para treinar.

  • Jogabilidade

Super Volley Blast oferece uma mecânica simples e precisa. Quando digo simples, não me entenda mal. Pois até você conseguir fazer um saque “viagem” ou acertar uma cortada, pode demorar um pouco. Mas nada que um treino não resolva. Assim como jogar em dupla com outro jogador, requer um certo período de adaptação.

A IA tem uma resposta muito boa no co-op, não comprometendo em nada quando se joga sozinho. Seu parceiro vai te ajudar bastante. Além disso, o nível dos adversários aumenta gradativamente, e os famosos “rallys” vão acontecer em vários momentos nas partidas.

Por se tratar de um jogo com uma proposta mais arcade, senti falta de jogadas a la “NBA Playgrounds”, quando a barra de energia sobe e é possível realizar uma jogada com a bola pegando fogo ou uma defesa impossível de ser realizada. Cairia muito bem no jogo.

  • Gráficos e Áudio

Super Volley Blast utiliza o estilo gráfico de cel shading (“escurecer” objetos 3D, de modo que o resultado final seja uma imagem 2D), com uma visão lateral da quadra, e o enquadramento central do campo de jogo.

No quesito áudio, não temos muitas variações, sendo algo genérico. Mas claro, nada que comprometa a emoção das partidas.

  • Resumo

Super Volley Blast é um jogo que acerta em cheio num esporte que não temos quase nenhum outro game. É diversão para toda a família, para os amigos e de fácil acesso, num ótimo custo x benefício.

7.7
Muito bom

Super Volley Blast é um jogo que acerta em cheio num esporte que não temos quase nenhum outro game. É diversão para toda a família, para os amigos e de fácil acesso, num ótimo custo x benefício.

  • Modos de jogo 8
  • Jogabilidade 8
  • Gráficos e Áudio 7

Receba notificações de todas novidades sobre Xbox.

Você pode gostar também