F1 22 – [Análise do Arena]

De volta as pistas, o novo game da franquia F1 chega cheio de novidades

A Codemasters e a Electronic Arts seguem juntas com o intuito de inovar e melhorar a franquia F1, mas apesar das boas intenções, algumas dessas novidades podem ser que não se encaixaram bem no game, e ficaram confusas no contexto geral.

49f12ffc 46cc 4fda a956 599800483f40251095388631215318

Voltando um pouco no tempo, o F1 21 trouxe a novidade do modo campanha, onde acompanhávamos a historia de Aiden Jackson, aspirante à piloto de Fórmula 1, e que teríamos que ajudá-lo a virar o grande campeão da temporada. Com apostas de deixar o modo campanha para o próximo ano, o Breaking Point foi trocado pelo F1 Life, um departamento que funciona como lobby, onde você ganha roupas, acessórios e supercarros para customizar e chamar de seu, além de poder receber visitas do seus amigos, e eles poderem ver e conhecer seu ambiente personalizado. Existe também a possibilidade de pilotar os supercarros que você ganha ao longo da jornada. Infelizmente, o modo F1 Life passa quase que despercebido, sendo que o ponto forte do modo é a opção de pilotar os supercarros, o que também é algo que se enjoa facilmente, e você vai se pegar voltando para os carros de competição. Mas calma, não que o game seja horrível, mas fora do F1 Life, que foi tão divulgado, os modos tradicionais do game seguem cheios de melhorias e acompanham as novidades que a FIA divulga para a Formula 1.

A primeira delas é que a Codemasters conseguiu atualizar o pacote de jogabilidade, sem perder a excelência, mostrando nos mínimos detalhes, que cada aspecto que conhecemos nas corridas reais podem ser trazidos com fidelidade para o mundo virtual. Com um pouco mais de dificuldade para controlar os carros, mesmo para os mais experientes, a acessibilidade e a facilidade em customizar o seu veículo, deixam o game ainda mais refinado e convidativo para os fãs da franquia.

images 18521888220003989925.

A parte gráfica é um elemento a parte nesse conjunto todo, de uma lado, temos as feições travadas dos pilotos, e uma movimentação meio mecanizada dos personagens, o que chega a ser engraçado em alguns momentos, mas de outro lado, quando estamos em corridas noturnas ou em um dia de chuva por exemplo, é algo de encher os olhos, o que mostra que a desenvolvedora quando tem um foco, entrega exatamente aquilo que os fãs pedem.

No geral, o game continua inovando, mas as novidades desse ano, não são o que irá te fazer adquirir o game, e sim, o excelente serviço da empresa em melhorar o que já é querido pelos fãs da franquia. Tirando o modo F1 Life que parece meio perdido nesse meio todo, o restante do game funciona muito bem, deixando um leque de customização para os mais diversos tipos de jogadores, deixando a experiência de correr em uma pista, ainda mais imersiva e interessante.

Adquira F1 22 através da Microsoft Store.

*O game foi gentilmente cedido pela Electronic Arts para essa análise.

Análise do Arena

Tirando o modo F1 Life que parece meio perdido nesse meio todo, o restante do game funciona muito bem, deixando um leque de customização para os mais diversos tipos de jogadores, deixando a experiência de correr em uma pista, ainda mais imersiva e interessante.

8
Muito bom
  • Modos de jogo 8
  • Jogabilidade 8.5
  • Gráficos 7.5

Receba notificações de todas novidades sobre Xbox.

Se Inscrever
Notifique me
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitarLer Mais

0
Amamos sua participação, por favor comente!!!x
()
x