Carrion – [Análise do Arena]

Carrion apresenta um terror inverso em um jogo de plataforma

Uma criatura assustadora escapa de um laboratório e agora está aterrorizando diversos pesquisadores e soldados. Este é Carrion, um jogo de terror inverso, indie, desenvolvido pelo estúdio Phobia Game e publicado pela Devolver Digital. O jogo de plataforma possui mecânicas simpáticas e acessíveis para todos os jogadores que gostam do gênero.

  • Um monstro de poucas palavras

O jogo não possui uma trama complexa, nem nada disso. Na verdade, o jogo conta com pouquíssimas linhas de diálogo, mas tem alguns elementos como sinalizações entre as fases e durante algumas delas alertando os inimigos sobre o nível da ameaça ou o quanto já foi explorado pelo jogador durante a sua jogatina.

carrion 1

Carrion é um jogo de plataforma com muitos elementos tradicionais do gênero “metroidvania”, onde o jogador irá explorar diversos cenários e adquirindo novas habilidades e com elas, retornando em lugares já visitados antes e conseguindo chegar em novas áreas. Entretanto, por não ter um mapa, o jogador pode acabar se perdendo durante a sua jogatina. Os cenários não são tão complicados como acontece em jogos do gênero, então, explorando com mais atenção e calma, o jogador consegue passar sem grandes problemas.

  • Habilidades monstruosas

A criatura que controlamos adquire diversas habilidades diferentes ao longo da campanha, que mudam algumas vezes de forma drástica a jogabilidade e até mesmo dá a possibilidade de controlar outros elementos para avançar pelo cenário ou para derrotar seus inimigos de formas inusitadas. Em Carrion, a criatura protagonista da história possui três formas, e em cada uma delas ele fica maior e com habilidades únicas. Mas em certos momentos, você vai se ver obrigado a ter que retornar para um estágio mais fraco para pode prosseguir, assim, o jogo traz elementos de puzzle, utilizando esse esquema de alternar entre as formas do monstro, e  isso acontece em diversas situações. Vale ressaltar que em estágios iniciais, a vida da criatura amorfa é menor, então, consequentemente pode acabar morrendo de forma mais rápida. Sempre fique atento com o fogo, pois esse é com certeza uma das armas mais poderosa contra a nossa fera devoradora de humanos. Em certos momentos, podemos controlar humanos, porém não é tão interessante, já que os mesmos na maioria das vezes são mais limitados e não podem fazer muitas coisas como o monstro que controlamos durante a campanha, porém são momentos curtos geralmente para solucionar alguns puzzles.

A cada humano que você derrota, você pode deixá-lo morto no chão ou se alimentar dele para recuperar vida e até mesmo poder mudar de forma caso esteja em um dos estágios iniciais. Existem civis pesquisadores que não tem arma nenhuma e pessoas altamente armadas e preparadas para lhe enfrentar. Esses humanos por usarem uma espécie de armadura, não podem ser devorados, e não morrem tão fácil como os pesquisadores, então é bom ficar atento com eles.

carrion 2

  • O que você faria se encontrasse um monstro? Exatamente

A trilha sonora é um tanto quanto que simplória e passa uma sensação pequena de estar em uma base de pesquisa secreta, mas os efeitos sonoros  como os gritos dos personagens aterrorizados quando se deparam com o seu monstro se destacam mais durante a gameplay. Mas os efeitos de disparos de armas de fogo são extremamente altos e podem acabar incomodar um pouco, mas não é nada que tire o brilho do jogo.

  • Veredito monstruoso

Carrion é de longe um dos indies mais originais que pude jogar este ano, e a Devolver Digital continua nos surpreendendo, publicando jogos tão interessantes que prende o jogador do começo ao fim. No começo do jogo, você pode até estranhar ter que se alimentar de humanos e persegui-los para escapar de diversas situações, porém, com o tempo, você vai se adaptando com a jogabilidade da criatura, que é bem diferente comparando com jogos de plataforma que estamos acostumados. Em certos momentos, quando o nosso monstro está muito grande, pode ficar um pouco confuso de como controlá-lo, porém, conforme você vai progredindo pelo cenário, o acaba se adaptando com a forma de locomoção.carrion 4

O jogo já se encontra disponível na Xbox Game Pass (Xbox One e PC) e vale apena conferi-lo. Se você é fã de jogos de terror ou de jogos de plataforma, talvez seja um pouco estressante a parte de não ter mapa, mas com o tempo, acaba se acostumando com a falta deste pequeno recurso.

Compre o jogo da criatura amorfa de origem desconhecida por R$ 74,95 através da Microsoft Store.

Recebemos uma cópia de Carrion antecipadamente cedida pela Devolver Digital.

7.8
Interessante

Épico Análise do Arena

Desafiador na medida certa com puzzles interessantes que utilizam as habilidades da criatura em que controlamos, o jogo oferece uma excelente proposta para um jogo de terror e de plataforma.

  • Leve Design 9
  • História 7
  • Trilha Sonora 7
  • Gameplay 8
Se Inscrever
Notifique me
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitarLer Mais

0
Amamos sua participação, por favor comente!!!x
()
x