Arena Indie – Nautilus – Sua nova fase!

Hoje temos convidados especiais no Arena Indie!

Nossa entrevista hoje é com o Lucas da equipe do Nautilus!

O canal do Youtube

Para quem não conhece o Nautilus é um canal de YouTube, um projeto que tem como foco tratar jogos e entretenimento no geral de uma forma séria, que mostra o porquê de videogames e outras coisas serem tão fascinantes e porque elas impactam tanto a gente num âmbito pessoal e profissional.

O dia 9!

No próximo dia 9/12 a partir das 18 horas, o Nautilus lançará sua nova campanha no site Apoiase.se através do link: Apoia.se/Nautilus

Eles começarão uma livestream de 24 horas onde irão revelar cinco novas atrações e falarão sobre os vários planos que tem para o futuro do canal!

Então galera do Arena Indie, vamos apioar! #apoieonautilus

Se liguem no vídeo com os depoimentos de vários Youtubers:

Agora que as apresentações foram feitas vamos ao nosso bate-papo:

Perguntas

Arena Indie: Como surgiu a Nautilus?

O projeto nasceu em 2014 com o Luiz, Paulo e Ricardo, eles definiram o nome do canal e algumas coisas como a seriedade e direção artística (que mudou mas ainda retém muito da visão original)

Eu entrei logo depois quando o Ricardo viu um texto meu sobre Alien: Isolation no Steam (GOTY de 2014!). O Luiz e o Paulo deixaram o projeto um tempo depois e eu continuei tocando o projeto com o Ricardo e acabei criando o Janela Indie. O Vinicius e o Caio começaram a criar conteúdo para o canal como colaboradores por aí, também.

Depois, o Bruno que já tinha um canal excelente se juntou como sócio, trazendo o conceito do “Falando Sério”, vídeos-ensaio que observam jogos de uma ótica mais profunda.

E agora, em 2017, estamos aqui, com 70 mil inscritos e ainda completamente surpresos com nosso crescimento e muito, muito felizes.

Arena Indie: Como é ter um canal no Youtube? Quais os maiores desafios enfrentados?

Tem muita coisa, mas acho que o pior é tempo. Como a gente tem que entregar dois vídeos por semana (no mínimo até agora, né) e os vídeos são um processo criativo, isso acaba prejudicando a qualidade as vezes e também deixando exausto, perdi a conta de quantas noites virei pra deixar algo pronto pro embargo ou pra data marcada do vídeo.

Arena Indie: Quais os quadros do Nautilus que mais fazem sucesso?

Hmm, acho que o que mais chama atenção é o Falando Sério. Os vídeos-ensaio, sabe? Tipo o Animando o Passado em Cuphead ou a Genialidade Distorcida de Bloodborne. Todos tem uma ótima retenção e visualizações, mas o que mais faz sucesso ultimamente seria esse mesmo.

Arena Indie:  Além do quadro Janela Indie, vocês planejam contribuir mais para o cenário Indie? Se sim de que maneira?

Com certeza. A gente vai mostrar um projeto chamado “Independentes” no sábado. É basicamente um documentário. Não percam o vídeo completo no sábado. 🙂 

Arena Indie: Qual o game Indie preferido da equipe do Nautilus?

Hmm, difícil, acho que depende do momento?

Ricardo: Super Meat Boy
Lucas: Undertale
Vinicius: Kentucky Route Zero
Bruno: Inside
Caio: Cuphead

Mas a gente tem vários jogos preferidos indies, RISOS

Arena Indie: Qual vídeo foi mais desafiador de ser produzido? E por que?

Acho que o mais até então pra equipe como um todo foi a entrevista/vídeo-ensaio do Tim Schafer. Pessoalmente, eu diria que o meu vídeo-ensaio mais trabalhoso foi o do Mario, tanto na parte de edição como no texto. Me senti bastante pressionado porque né, é Mario. Atualmente, porém, é o Independentes. Sem dúvidas nenhuma.

Arena Indie: Que tipo de influências vocês tiveram e ainda tem na criação do conteúdo de vocês?

Cara, a gente pesquisa muito. Coisas que nos agradam no audio-visual sempre são uma enorme inspiração, como o Jogabilidade, Overloadr, Mark Brown, Every Frame a Painting, enfim, muitos desses canais que levam jogos e outros meios mais “a sério” são algo que guiam muita da direção do canal. Livros e criadores, também. Se eu fosse resumir: A gente consome todo tipo de coisa que gosta e tenta usar isso pra moldar o conteúdo do canal.

Arena Indie: Como funciona a dinâmica de produção de um vídeo no Nautilus? Pode nos contar um pouco do planejamento e produção?

Acho que varia muito pra cada um. Eu (Lucas), por exemplo, em um Janela Indie procuro MUITAS entrevistas e tento entender qual o conceito que os desenvolvedores querem passar. Em uma análise, anoto tudo que acho de legal, ruim e médio em um jogo pra tentar criar uma narrativa e passar de forma fluída o porquê de eu achar o jogo de qualidade ou não e acabar recomendando (ou não.)

Em um Falando Sério, eu tento achar um aspecto que acho fascinante do jogo e então moldo TODO o vídeo acerca disso, falando de design e afins e como tudo funciona (ou não) usando isso como base. Em Darkwood, foi um jogo de terror feito com uma perspectiva de cima pra baixo, em Mario, foi uma jornada particular feita através da expressividade do jogador.

Dependendo do tempo, a gente upa o vídeo e absorve o feedback e faz leves mudanças que no geral deixam o vídeo ainda mais agradável.

Mas o processo criativo varia de pessoa pra pessoa, né.

Arena Indie: Qual a dica que vocês deixam para quem quer começar no Youtube?

Acho que existem várias coisas. Perseverança, porque é muito, MUITO difícil criar coisas que crescem e fazem sucesso em uma plataforma como o YouTube. Saber aceitar feedback negativo e melhorar a partir disso, já que receber críticas é muito melhor que indiferença. E sempre observar o que os outros estão fazendo certo e aprender com isso, não olhar só pra si mesmo.

Arena Indie:  Sobre a livestream de vocês, no sábado dia 9, podem nos contar um pouco mais do que acontecerá? 

Claro! Dia 9 (Sábado), às 18 horas, vamos lançar nossa campanha no apoia.se. Nessa mesma hora, vamos começar uma livestream de 24 horas onde vamos revelar cincos novas atrações e falar sobre vários planos e mostrar outras coisas legais de sábado até domingo. Estamos planejando isso faz tempo então espero que o pessoal goste dos planos para o futuro do canal.

Depois desse bate-papo, ficou interessado? Confira abaixo mais de perto o trabalho incrível dessa galera!

                                       

Não deixem de conferir as próximas matérias do Arena Indie

Obrigado ao Nautilus  pelo carinho e tempo dedicado!

 

Receba notificações de todas novidades sobre Xbox.

Você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.